Resenha | Os Senhores dos Dinossauros (Victor Milán)


Eu já amo dinossauros, mas agora homens montados em dinossauros? Eu piro! Assim que saiu eu tive que comprar, e devo dizer que a editora fez um ótimo trabalho com o livro, contando com capa dura e desenho de alguns dinossauros. DarkSide, vocês são demais.

O livro foi escrito por Victor Milán, contando com 480 páginas. A história se passa em um mundo imaginário, chamado Paraiso, mas os nomes dos continentes e países, são muito parecidos com os nossos. Existe Nuevaeuropa, Spaña, Alemania, Anglaterra e Francia. O autor já adverte:

“Algo que vocês devem saber.
Esse mundo – Paradise – não é a Terra.
Não foi a Terra. Nunca será a Terra.
Não é uma Terra alternativa.
Todo o resto é possível”


Começamos o livro com um prólogo suspeito, de um garoto que vê um anjo cinza, que adverte a chegada de caos, e depois o manda esquecer que o viu, até a hora em que ele deve lembrar. No primeiro capítulo caímos de cara em uma batalha super eletrizante repleta de dinossauros, e até cavalos (quem quer saber de cavalos quando se tem dinossauros?), diversos príncipes se rebelam contra o seu imperador, mas já nesse primeiro embate ocorre o fim dessa revolta, Voyvod Karyl Bogomirskiy, comandante mercenário da Legião do Rio Branco lutava pelo imperador, com seus Tricerátops imbatíveis, contra os príncipes, um deles é duque Falk von Hornberg com seu Tiranossauro Rex albino Floco de Neve. Mas graças ao plebeu e senhor de dinossauros, Rob Korrigan, o jogo muda para Voyvod, que vê seus tricerátops serem destruídos. É quando Jaume Llobregat, o Conde das Flores e Capitão General da Ordem dos Companheiros de Nossa Senhora do Espelho, que estava do lado de Voyvod na batalha, recebe a ordem de matá-lo, mas ele e seu exército não tem como enfrentar o grupo que os ataca por trás. Karyl foi dado como morto.


O livro narrado em terceira pessoa, se divide para contar a história de Jaume, Rob e Melodía, a filha do imperador Felipe. Jaume e Melodía são namorados, quase noivos, e vivemos um pouco desse amor em seus capítulos, além das discórdias gerada ao redor do império. Duque Falk, se diz arrependido e jura defender o imperador. Cego como é, Felipe aceita Falk ao seu lado, e a cada dia mais ele vai conquistando a confiança do imperador, mas será que o rebelde realmente está com a filosofia do perdão, ou ele está tramando algo mais sombrio? Já nas primeiras páginas voltadas para o império, vemos um homem em sua tentativa de assassinar o imperador, ele falha em sua missão e é morto, Felipe quer revidar contra quem o mandou, mas ele não sabe quem foi, e com os sussurros em seus ouvidos ele pode acabar iniciando uma nova guerra, quando volta sua ira para a Terra Vermelha, que está prestes a ter o Exército Corrigir batendo a sua porta. Enquanto isso, Rob é contratado para encontrar Voyvod Karyl, que estava vivo e bem, exceto pela falta da mão, ele deveria levar o mercenário para o Jardim da Beleza e da Verdade, um lugar onde não havia diferença entre as pessoas e não havia violência, porém os vizinhos do Jardim não gostavam da sua filosofia, e constantemente atacavam o povo de Providence, e tanto Voyvod quanto Rob foram contratados para dar um fim a essa violência.


Contamos com um toque de mágica, dinossauros com suas características originais, ou seja os velociraptors tem penas. Intrigas, suspenses e muitas batalhas épicas. Vale muito a pena ler, e se você gosta de imaginar as cenas, procure como são os dinossauros no Google, Victor sempre dá o nome cientifico dele. Seu dinheiro será muito bem gasto com esse livro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário