Lista | 11 Séries de Vampiros


Produções envolvendo vampiros se tornaram mais comuns com a infeliz moda que surgiu de Crepúsculo. Apesar de não gostar muito do estilo “romance adolescente”, eu acho que serviu para colocar as minhas criaturas preferidas em foco. 


Mais produções surgiram. Algumas ótimas, outras nem tanto e algumas realmente ruins. Então, eu decidi fazer uma lista de algumas séries de vampiros, desde as mais antigas, até as atuais. Juntei vários nomes, espero que gostem.

Kindred: The Embraced



Para mim, é um clássico. Uma série do canal FOX baseada em Vampiro: A Máscara, um dos meus cenários favoritos de RPG. Mark Rein-Hagen assinou embaixo. Infelizmente, o ator Mark Frankel que interpretava Julian Luna faleceu logo após a primeira temporada. Sem o personagem principal, o Príncipe da cidade, a série foi cancelada.

True Blood



Série de televisão da HBO criada por Alan Ball baseada nos livros The Southern Vampire Mysteries da escritora Charlaine Harris. A série é levemente antiga e bem premiada. Na época, gerou polêmica com 7 temporadas de muito sangue e sexo. Há alguns produtos derivados, como um livro de receitas True Blood Cookbookest e histórias em quadrinhos.

Angel



Precisa de apresentações? O personagem surgiu em Buffy e depois ganhou uma série própria que durou 5 temporadas. Angel, além de vampiro é também um detetive do sobrenatural, meio que numa pegada Supernatural. A história tem seus altos e baixos e fica particularmente boa no final, quando Angel começa a se conectar com seu “outro lado”.

Being Human



Uma série britânica que contava a vida de três personagens: um vampiro, um fantasma e um lobisomem. A série fez algum sucesso e os americanos, para variar, fizeram a sua própria versão. Eu assisti o início da versão britânica e achei legal, mas não me cativou. A série era muito seca se tratando de fotografia e visual. Quanto a versão estado-unidense, irei opinar apenas quando assistir. 

Drácula



Dos mesmos produtores de Downton Abbey, a série de apenas uma temporada mostra Alexander Grayson, o Drácula, reencontrando Mina Harker em uma Londres Vitoriana. O visual está muito bonito, mas acho difícil recontar essa história depois do filme do Coppola.

The Strain



Se você gosta mais dos vampiros monstruosos no estilo 30 dias de Noite com uma história mais sangrenta e menos sexy, The Strain é a sua série. Foi criada por Guillermo del Toro – precisa dizer mais? - e Chuck Hogan. Em uma palavra: visceral.


The Vampire Diaries e The Originals



Culpada. Admito. Eu já vi as duas. Apesar do drama exacerbado de The Vampire Diaries, eu assisto especialmente pelo personagem Damon que me lembra o Lestat - cínico e egocêntrico. Ainda assim, não é uma serie que eu recomende. The Originals eu larguei de mão depois do primeiro episódio. Eles deixaram de lado um pouco do drama e foram para um cenário lindo – Nova Orleans! – mas a série explica tudo a cada passo do caminho. Parece que eles subestimam a inteligência de quem está assistindo. Não aguentei o enredo bobinho explicado over and over again a cada encontro de personagem.

From Dusk Till Dawn



Mais uma leva de vampiros badass em uma série dirigida por Robert Rodriguez. Essa foi baseada no filme de mesmo nome lançado em 1996. Disponibilizada pela Netflix, já tem duas temporadas e uma terceira a caminho. Ao contrário de The Strain, os vampiros em From Dusk Till Dawn conseguem ser monstruosos e sexys ao mesmo tempo.


Moonlight



Uma série onde o vampiro quer fazer algo de bom e vira um detetive do sobrenatural... soa familiar?


Blood Ties



Novamente, uma repetição da fórmula. Mas dessa vez nós temos uma detetive particular (que está perdendo a visão por causa de uma doença degenerativa) que se une a um vampiro para investigar casos sobrenaturais.

Hemlock Grove



Fechando a lista com outra série da Netflix. Essa foi baseada em um livro de mesmo nome do escritor Brian McGreevy. Eu acho a primeira temporada absolutamente perfeita. Gosto das outras duas também, apesar de terem vários problemas. A série não tem apenas vampiros, mas também lobisomens e outros mistérios. Uma das minhas personagens preferidas é Shelley, cujo o nome é uma referência à escritora de Frankenstein, Mary Shelley. Também devo ressaltar que o show contém a melhor transformação de lobisomem do cinema/TV.

Por enquanto é isso. Vou deixar aqui de menção honrosa The Split, uma série israelense sobre uma adolescente meio vampira e meio humana. E também Dark Shadows, uma série da ABC antes de virar um filme do Tim Burton.

Até a próxima, Cheers!!!

Um comentário:

  1. Sobre The Vampire Diaries eu parei de assistir depois que eu comecei a assistir TO (sempre preferi os originais mesmo) TVD foi perdendo a qualidade em cada temporada enquanto TO aumenta.Bom n se preucupem com a falta de series de vampiros já que vão lançar uma serie baseada nas cronicas vampirescas de Anne Rice!!! Veremos o nosso querido Lestat em breve!!! A autora falou que a serie seria fiel aos livros e q teria um estilo de GOT, tem como dar errado?

    ResponderExcluir