Lizzie Bordello 2: ainda mais aventuras com as piratas mais malucas de todas!


Se você está aí acreditando que o pirata mais maluco de todos os tempos é aquele rapaz que se estica, permita-me discordar: na minha singela opinião, este prêmio vai com certeza às piratas espaciais bagaceiras de Germana Viana!

Lizzie Bordello e as Piratas do Espaço me cativaram primeiro pelo traço da Germana, que me é agradável, diferente do que eu estava acostumado até então. Depois, ao ler as histórias com calma, dei muitas risadas com os temas, a forma lúdica e quase insana das narrativas destas personagens, a naturalidade e leveza com a qual Germana passeia por temas polêmicos e complicados, sem precisar parar e dar palestras a respeito dos mesmos. Eles simplesmente estão lá, tão naturais quanto deveriam ser no nosso mundo.

Este mês, a Jambô lançou o segundo encadernado destas divertidas histórias, trazendo ainda mais aventuras, mais personagens, referências e brincadeiras que fazem da leitura desta HQ um agradável exercício de reflexão sobre a nossa realidade e quaisquer preconceitos que tenhamos.


Parentes com problemas e outras situações hilárias

Para quem já leu o primeiro encadernado as personagens da capa já são velhas conhecidas: temos nosso quarteto de heroínas Lizzie, Fran, Deus e Lambretinha, encarando Capeta, a irmã maluca e um tanto quanto superficial de Deus.

Sim! Capeta está falida! E vai morar com as piratas! Desta situação inicial que pode ser considerada uma verdadeira tragédia, as histórias se desenrolam no mesmo ritmo fluído e divertido do volume anterior, demonstrando a coerência e senso de continuidade de uma quadrinista que usa o comprometimento de lançar uma página por semana na internet como forma de se manter sempre escrevendo, uma fórmula inteligente tanto de produzir quanto de divulgar o trabalho.


Sim! Você leu certo! Muitas das histórias do álbum lançado foram inicialmente publicadas na internet, estando lá ainda enquanto a versão física está sendo distribuída por todas as livrarias e lojas de HQ's do Brasil. Obviamente existem extras, duas histórias inéditas e ainda uma galeria de participações de outros artistas, que costumam ser, por outros trabalhos onde já vi Germana se envolvendo (como por exemplo, a Mil léguas transamazônicas, de Will e Spacca, minha primeira HQ deste circuito alternativo de autores nacionais) deve estar um verdadeiro show à parte!

Melhor do que tudo isso só comprar a HQ autografada e conhecer a autora! Isso será possível para quem está em São Paulo, na quarta feira 25/05, véspera de feriado, na Geek etc., ali no Conjunto Nacional!

Nenhum comentário:

Postar um comentário