Conheça Horus Heresy - Parte 3: Ascensão do Imperador


Vamos continuar de onde paramos, que se não me engano estava na parte do 'fundo do poço' para a raça humana, a temível Age of Strife. Vimos anteriormente que os humanos expandiram seu domínio pela Galáxia e que a outra dimensão (chamada Warp) pode ser acessada por tecnologias (naves e estações espaciais) e indivíduos (psykers), essa outra dimensão nada mais é que um lugar caótico onde as próprias emoções das pessoas criam vida e forma, a Warp é usada como meio de viagens a longa distancia e alimenta os poderes psiquicos dos Psykers, a Warp também é a morada de criaturas e entidades malignas. A Age of Strife foi um período de muita turbulência nessa outra dimensão, restringindo viagens e comunicações dentro do Domínio da Raça Humana, fragilizando sua estrutura organizacional deixando-a vulnerável a golpes de estado por tiranos e ataques de Xenos (alienígenas). Não se esqueça de conferir a parte 1 e parte 2 dessa série para não perder nenhuma informação, por mais que eu resuma os 'capítulos' anteriores, o melhor a fazer é verificar por si mesmo.


Hoje vamos falar do Imperador da Humanidade e sua ascensão ao poder. Ninguém sabe ao certo sua origem exata, mas sabemos que ele é um ser imortal ao tempo, seja com modificação genética ou poderes psíquicos não se sabe exatamente, mas ele se diz humano. Esta figura singular teve participação em vários eventos na Terra durante os milênios que se passaram de Age of Strife, cimentando devagar e metodicamente o momento da sua revelação oficial como líder supremo da raça humana, onde ele tomaria o poder da Terra, e na seqüência de toda Raça Humana espalhada pelo Universo.

Finalmente as tempestades e turbulências deixaram de afligir a Warp, retornando a Humanidade à sua situação original de transporte e comunicação, porém totalmente catatônica e traumatizada. Relatos dos horrores que a Raça Humana sofreu durante esses milênios de isolamento começaram a circular através dos planetas e chegaram até a Terra, antes gloriosa e exemplar que servia como bastião e origem da Raça Humana, agora se encontra sob o domínio dos chamados Tecno-Bárbaros, que não passam de tiranos e senhores da guerra que disputam o que restou do planeta. Eles viviam lutando entre si, utilizando das mais vis armas químicas e nucleares para exercer sua vontade contra seus inimigos, transformando nosso planeta em um campo de desolação, fome, morte e terror.

Dois Tecno-Bárbaros que dominavam a Terra no final da Age of Strife, lembram bastante Mad Max
Foi quando um homem conhecido como "O Imperador da Humanidade" se revelou e começou sua conquista definitiva pela Raça Humana, alegando ser o líder absoluto e supremo de tudo e todos. Este homem (se é que ele pode ser chamado de homem) decidiu que os humanos jamais ficariam desunidos novamente, prometeu para si e para seus seguidores que, com ele no poder, a Raça Humana jamais sofreria os horrores da Age of Strife , dando inicio a uma nova era de avanço, prosperidade e fortalecimento para todos aqueles que se ajoelhassem perante ele. O Imperador é um Psyker de poder assombroso, talvez o maior e mais poderoso Psyker que toda a Galaxia já viu, ele também é um guerreiro extremamente habilidoso, possuidor de uma inteligencia genial e incomparável, capaz de criar novas tecnologias com as próprias mãos. O Imperador da Humanidade realmente era uma pessoa quase Divina, a personificação da Vontade Indomável da Raça Humana, sendo louvado por aqueles que o seguiam como um Deus entre os homens, mesmo ele negando qualquer origem divina e até mesmo proibindo qualquer culto referente à sua imagem..


Iniciando a Unificação na Terra e estabelecendo seu Governo ali, onde tudo começou, o Imperador se preparava para começar a Grande Cruzada, que foi a viagem para reconquistar todos os planetas perdidos durante a Age of Strife e anexá-los ao novo regime: O Império da Humanidade. Esse processo deixaria todos os Planetas conquistados mais fortes, unidos e preparados caso aquelas turbulências e tempestades voltassem a atormentar a Warp no futuro. Vale ressaltar que o processo de Unificação da Terra e da Grande Cruzada envolvia politica e diplomacia por parte do Imperador, buscando sempre poupar vidas humanas ao longo da sua jornada, o problema é que muitas comunidades nesses planetas se declararam independentes e se mostraram bastante relutantes a ceder seu poder a esse "Imperador" do qual eles nunca ouviram falar. Não é novidade que o Imperador da Humanidade teve que usar da Força com muito mais freqüência do que usar da Caneta. Apesar da sua genialidade e imortalidade, ele jamais entraria nas politicagens de um Reino em decadência, ele era sempre claro e direto: "Sou eu quem mando, vocês obedecem, se vocês se oporem a mim serei obrigado a usar a força, estamos perdendo tempo demais aqui conversando enquanto milhares de humanos ainda estão sofrendo nas mãos de Xenos ou até mesmo de seus próprios governantes, não tenho tempo a perder".

Sabendo que sozinho não seria capaz de estar em todas as frentes, e que precisaria de ajuda para reconciliar a Humanidade, ele criou geneticamente 20 'filhos' para serem seus Comandantes durante a Grande Cruzada. Eles foram chamados de Primarcas e eram tão formidáveis quanto o próprio Imperador, tanto na maestria em combate como na genialidade intelectual, mas logo após sua criação (crianças) eles foram raptados por forças da Warp e arremessados por toda a Galaxia em planetas diferentes. Não se impedindo por esse contra-tempo o Imperador criou Super-Soldados utilizando o material genético usado para criar seus filhos, ele criou os Space Marines para lhe acompanhar na Conquista, não somente da humanidade agora, mas também dos Primarcas perdidos.

O Imperador e 18 dos Primarcas. Dois deles foram "deletados dos registros", certamente sofreram a ira do Imperador
Podemos ver que o Imperador não está de brincadeira, ele possui não somente a visão mas também os meios de exercer sua vontade. Alguns diriam que sua atitude beira a de um Tirano, a de um vilão, outros que ele está fazendo apenas o necessário para garantir a sobrevivência eterna da Humanidade. Um personagem cheio de enigmas, mistérios e segredos, o Imperador não hesita e nem pausa nas suas decisões, jamais permitindo que desunião seja semeada por onde seu domínio avança. Na próxima edição veremos mais detalhes sobre os Space Marines, sobre a primeira parada do Imperador na Grande Cruzada: o planeta industrial Marte e os resultados da Grande Cruzada. Não percam, será muito bacana desvendar essas histórias junto com vocês!


2 comentários:

  1. Muito interessante a historia, comecei a procurar sobre as historias de warhammer 40k depois de alguns jogos de pc. Abraços e no aguardo de mais partes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é um mundo com uma história muito rica e boa. Fique ligado que em breve teremos mais.

      Excluir