Resenha | Trilogia da Fundação (Isaac Asimov)


O livro As Carvernas de Marte (Leia a resenha aqui) foi a primeira obra de Asimov que eu li. Quem leu a resenha sabe que eu achei um bom livro, porém, pelo fato de ser infanto-juvenil, ainda não demonstra toda a genialidade do autor. Resolvi partir para a trilogia da Fundação, que é considerada a obra máxima de Asimov.

"Há uma série muito antiga de Isaac Asimov - os romances da Fundação - na qual os cientistas sociais entendem a verdadeira dinâmica da civilização e a salvam. Isso é o que eu queria ser. E isso não existe, mas a economia é o mais próximo que se pode chegar. Então, como eu era adolescente, embarquei nessa." - Paul Krugman, Prêmio Nobel de Economia de 2008


A trilogia da Fundação desbancou Tolkien, com a sua trilogia O Senhor dos Anéis, e ganhou o prêmio Hugo de melhor obra de Ficção-Científica e Fantasia de todos os tempos em 1966.

Sinopse: A trilogia conta a história da humanidade, em um ponto distante no futuro, no qual o
visionário cientista Hari Seldon prevê a destruição total do império humano e de todo o conhecimento acumulado por milênios. Incapaz de impedir a tragédia, ele arquiteta um plano ousado, no qual é possível reconstruir a glória dos homens. Se tudo correr como planejado.

A história começa com um cientista chamado Hari Seldon utilizando uma ciência chamada de psico-história - que utiliza estudos da psicologia, sociologia e estatística para fazer previsões dos rumos que as sociedades irão tomar - para prever que o Império Galáctico irá entrar em declínio e a humanidade voltaria a viver tempos bárbaros por muitos anos. Pensando em reduzir esse tempo de barbárie, Seldon traçou um plano (conhecido como Plano Seldon) em que ele enviaria dois grupos de cientistas para dois cantos da galáxia. Um desses grupos montou a Fundação Enciclopédica, que seria responsável por criar uma enciclopédia com todo o conhecimento que a humanidade possuía. O outro foi mandado para um lugar secreto sem que ninguém soubesse sua real função.

Nesse plano, com o ajudo da psico-história, Seldon planejou todas as crises e as formas que a Fundação iria utilizar para superá-las, tornando quase impossível que alguma ameaça externa interrompesse seu sucesso.

Ao longo do primeiro livro, vemos como a Fundação vai crescendo e superando essas crises de forma política e estratégica, as vezes vencendo poderosos inimigos sem precisar recorrer à uma guerra armada. E é muito legal ver que todo o planejamento de Seldon para que a Fundação obtenha sucesso vai acontecendo sem que os líderes da fundação saibam que aquilo era planejado, pois, segundo o psico-historiador, se eles soubessem iriam tomar decisões diferentes e sua previsão falharia.

Asimov conseguiu criar uma trama bem política com uma linguagem de fácil compreensão e que possui vários personagens (a história vai sendo contada através das eras) e por mais que não tenha nenhum protagonista (talvez o próprio Seldon o seja, mesmo não estando mais vivo na maior parte da
trilogia), a trilogia apresenta vários personagens bem construídos e todos eles de alguma importância para a condução da trama. Destaque para o vilão conhecido como Mulo, que aparece no segundo livro e cria um dos arcos mais interessantes da história.

Quanto à parte estética dos livros, achei maravilhoso o trabalho da editora Aleph, a capa lembra as capas minimalistas de obras de ficção-científica de antigamente, mas com cores vivas mais atuais, ficando com um aspecto lindo. A diagramação está perfeita e a fonte foi muito bem escolhida, combinando perfeitamente com o gênero, a editora está de parabéns.

Recomendo a trilogia da Fundação para todos, mesmo os que não curtem Ficção-Científica, pois a obra é mais voltada para as tramas do que para a parte tecnológica, vocês não se arrependerão. Asimov passou a ser meu escritor favorito do gênero após essa obra.

Ficha Técnica

Trilogia da Fundação
Onde comprar o Box: Submarino, Saraiva, Amazon

Nome: Fundação
Autor: Isaac Asimov
Editora: Aleph
Páginas: 239
Onde Comprar: Saraiva, Amazon
Adicione no Skoob

Nome: Fundação e Império
Autor: Isaac Asimov
Editora: Aleph
Páginas: 248
Onde Comprar: Submarino, Saraiva, Amazon.
Adicione no Skoob

Nome: Segunda Fundação
Autor: Isaac Asimov
Editora: Aleph
Páginas: 240
Onde Comprar: Submarino, Saraiva, Amazon.
Adicione no Skoob

Um comentário:

  1. Eu li a trilogia - e isso acabou com a minha vida por um tempo - me fez ler simplismente todas as cerca de 400 obras criadas pelo autor ! a trilogia é incrivelmente bem feita, sendo que ela é a responsável por criar muito do que hoje seria chamado de clichê - mas que foi originário destas obras. assimov a´te hoje é lembrado em inumeras outras obras de ficção. me sinto honrado em ter lido as obras dele.

    ResponderExcluir