Perca a sanidade em Wayward Pines



Baseada na trilogia de livros (Pines, Wayward e The Last Town) de Blake Crouch, Wayward Pines é uma série de gênero policial, drama e suspense, que sem dúvida nenhuma é uma das grandes valias do ano de 2015 e merece sua atenção. 

A produção pode ser acompanhada no Brasil através do canal Fox, todas as quintas-feiras, às 23h10min, e já encaminha-se para seu final, pois a 1ª Temporada tem 10 episódios, e nos encontramos atualmente no episódio 8. Sem mais delongas, e sem spoilers, pois os plot twists são a parte mais importante da produção, vamos conhecer um pouco mais de Wayward Pines.
O personagem principal da história é o agente secreto Ethan Burke, interpretado por Matt Dillon, que é designado a encontrar dois agentes desaparecidos na região de Wayward Pines, Ohio.

Ao dirigir-se para lá, Ethan acaba sofrendo um acidente de carro, e quando recupera-se do choque, acorda em um hospital, em Wayward Pines.


Inicialmente tudo e todos apresentam-se com um tom misterioso, desde a enfermeira do hospital, até a garçonete da cidade. Não demora muito para ver que toda a cidade está grampeada, sendo monitorada através de áudio e vídeo, e é praticamente impossível sair de Wayward Pines ou estabelecer qualquer tipo de comunicação com o mundo. 


As estradas parecem que dão looping, levando ao mesmo lugar, os telefones funcionam, mas isso não é muito relevante porque independentemente para onde você liga, a pessoa a qual você quer falar sempre estará ocupada ou algo do gênero, e por fim, todos parecem condicionados por alguém ou alguma coisa.



E em meio ao desaparecimento de Ethan, sua esposa, Theresa, e filho, Ben, encontram-se em Seattle, buscando saber o que ocorrerá durante a missão dele. O estopim do enredo é esse, Ethan de certa forma preso nessa cidade misteriosa, tentando desvendar o desaparecimentos de seus dois colegas, e tentando restabelecer contato com o mundo, tendo que lidar com as pessoas estranhas daquele pequena e pacata cidade de Ohio. 

Ao longo dos episódios descobrimos a verdade por trás de Wayward Pines, mas até lá, podemos interpretar a história de diversas formas, e isso é uma das magias da série.


E mesmo depois de termos consciência do que realmente está acontecendo, é inevitável pensar: “Isso pode abrir diversas possibilidades para o restante da série”.

Outro questão que dá muito credibilidade para a produção é o elenco, que conta com nomes como Matt Dillon (Crash – No Limite), Shannyn Sossamon (A Entidade 2), Juliette Lewis (Um Drink no Inferno), e um dos meus atores favoritos, o indicado ao Oscar, Terrence Howard (Ritmo de um Sonho). Além de outros bons nomes que completam o time.



Ainda não há confirmação de uma 2ª Temporada, mas pelo nível da produção, com locações incríveis, atores de peso, história que abre outras possibilidades e produção e direção muito bem executadas, a tendência é que Wayward Pines continue, assim espero. 

Para finalizar, quem gosta de produções com uma pegada forte de ‘Twin Peaks’, vai se sentir em casa com a saga do agente Ethan Burke em descobrir a devastadora verdade que cerca a pacata cidade de Wayward Pines.

Um comentário:

  1. Vi que Wayward Pines foi inicialmente produzida como minissérie, ou seja, vai ser essa temporada, e adeus.

    ResponderExcluir